Renomado professor de Stanford afirma ter analisado “uma dezena” de materiais anômalos de OVNIs a pedido do governo dos EUA

Um dos materiais seria um fragmento de metal de um evento ocorrido em 1957 no Brasil, em Ubatuba (SP). Segundo Garry Nolan, o material possui isótopos de magnésio “extraordinariamente alterados”, não encontrados na natureza e “possivelmente” criados artificialmente.

As informações são do site Vice.

Comentários